Docente - 3

Galeria

  • Estudante no ICC
  • Faculdade de Direito - Campus Darcy Ribeiro
  • ICC - Campus Darcy Ribeiro
  • 10 Anos da TV UnB
  • Florada dos Ipês Roxos - UnB

As atividades de pesquisa desenvolvidas no PPGAV são nucleadas pelas áreas de concentração, suas linhas e nos seguintes GRUPOS DE PESQUISA:

 

01.Arte Computacional

O grupo participa de associações de pesquisa, tais como: Associação Nacional de Pesquisadores em Artes Plásticas, Grupo de Trabalho em Poéticas Digitais do Programa de Pós-Graduação da área de Comunicação, Grupo de Arte e Tecnologia da SIBIGRAPI e CAIIA - Universidade Saint Denis-Paris. Anualmente, desde 1989, o grupo tem apresentado as pesquisas realizadas em Multimídia, Hipermídia e Realidade Virtual, dentre elas destacamos: Mediações, Instituto Cultural Itaú - 1997; II Bienal do Mercosul, realizada na cidade de Porto Alegre (1999), Invenção. encontro internacional realizado no Instituto Cultural Itaú, com apoio do CAIIA, ISEA (Sociedade Internacional de Arte Eletrônica-1999), Futurs Emergents, Rencontre Arts, Sciences/Nouvelles Technologies (França 1999), Parcerias com Universidade de Aveiro - Portugal, e Saint Denis, Paris VIII, Coordenação dos Encontros Internacionais de Arte e Tecnologia em Brasília (#ART)

Líderes: Suzete Venturelli (PPAGV/UnB); Antenor Ferreira Corrêa (PPGAV/UnB)

 

02.cAt - ciência/ARTE/tecnologia

O grupo cAt – ciência/Arte/tecnologia – IA-Unesp/CNPq, criado em 2009, tem como características a experimentaçãoreflexão e divulgação de pesquisas oriundas da conexão entre a Ciência, a Arte e a Tecnologia. Estrutura-se com o perfil formativo interdisciplinar, dada a formação e experiência de seus integrantes, primando pela elaboração de projetos comuns e o respeito aos projetos e pesquisas individuais. Os interesses pesquisados pelo grupo têm as seguintes palavras-chave como pontos para experimentação, produção e difusão de conhecimentos, sendo estas: ImagemMaterialidade, Interatividade e Multimídia.

Integrante do Grupo do Programa: Denise Conceição Ferraz de Camargo (PPGAV/UnB)

 

03.Design da Informação

O grupo de design da informação visa discutir e melhorar os sistemas de informação e comunicação por meio de pesquisas no campo do design gráfico de documentos impressos e eletrônicos, sinais, interfaces, mapas, websites e novas mídias. Desta forma, as pesquisas nessa área visam criar uma comunicação efetiva para uso no contexto, como por exemplo, de agências governamentais, bancos, escolas e estações de trabalho. O grupo atua nas seguintes linhas de pesquisa: tipografia e comunicação visual; design de interação; e linguagem e informação no design. Nosso foco principal é estimular a produção científica por meio do desenvolvimento de produtos; apoio a docência; desenvolver pesquisas teórico e empíricas; atividades de extensão; e publicações. O grupo pretende estabelecer projetos de cooperação com instituições nacionais e internacionais; organizar e participar de eventos científicos; e divulgar os conhecimentos produzidos. O grupo traça inter-relações com a comunidade acadêmica bem como com outras áreas de pesquisa, tais como: artes; cognição; computação; comunicação; ergonomia; filosofia; psicologia; e semiótica.

Líderes: Virgínia Tiradentes Souto  (PPAGV/UnB); Rogerio José Camara (PPGAV/UnB)

Outros integrantes do PPAGV/UnB: Daniela Fávaro Garrossini; Fátima Aparecida dos Santos

 

 

04.Espaço, Poética, Jogo

O grupo de pesquisa atua na produção de conhecimento, concepção de projetos e poéticas na relação entre sistema complexos e narrativas urbanas, espacialidades, projetos ubíquos, poéticas de escrita, jogos e interações sociais. Em abordagem teórico-prática procura mesclar ações propositivas, como projetos e poéticas, com a produção de conhecimento. O grupo de pesquisa prevê a organização de fóruns de discussão sobre temas debatidos no processo de pesquisa, a produção de publicações e apresentação de projetos artísticos.

Líderes: Rogerio José Camara (PPGAV/UnB); Tiago Barros Pontes e Silva (Egresso PPGAV/UnB)

Outros integrantes do PPAGV/UnB: Fátima Aparecida dos Santos

 

 

05.GEPPA - Grupo de Estudos, Pesquisas e Práticas Artísticas

O grupo desenvolve pesquisas no campo prático/teórico, abordando diversas linguagens e procedimentos artísticos. As atividades do grupo visam envolver a comunidade de pesquisadores em arte em estudos e produções de arte contemporânea. Tendo como eixo o pensamento ampliado em relação ao espaço, o grupo promove cruzamentos de saberes por meio da confluência interdisciplinar de pesquisas.

Líder: Nivalda Assuncao de Araujo (PPGAV/UnB)

 

 

06.História da arte: modos de ver, exibir e compreender

O Grupo reúne pesquisadores de seis universidades públicas brasileiras (Unicamp, UFRJ, Uerj, UnB, UFBA e UFRGS). Criado em 2013 com o objetivo de discutir a produção artística, crítica e historiográfica dedicada às artes visuais em suas várias dimensões, dando ênfase aos lugares de exibição, à circulação, às coleções e às narrativas que instituem como percebemos,  interpretamos e divulgamos a produção artística e o objeto de arte. Ancorado no Programa de Pós-graduação em Artes Visuais da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), o Grupo lançou a Revista MODOS, em 2017, uma publicação em rede que âncora os seis PPGs em Artes das instituições envolvidas.  O grupo objetiva consolidar e divulgar a pesquisa em História da Arte e campos afins, como a História da Crítica, Cultura Visual, Museologia, Antropologia e História Cultural e realiza anualmente eventos para debater as pesquisas em andamento. Em 2014: História da Arte em exposições. Unicamp. Em 2015; II Colóquio Internacional Coleções de Arte em Portugal e no Brasil nos séculos XIX e XX: histórias e conexões;Em 206, III Encontro do Grupo Modos: Histórias da arte em coleções. Rio de Janeiro, Fundação Casa de Rui Barbosa. Em 2017: IV Encontro do Grupo Modos. Histórias da Arte em Museus, na Universidade de Brasília. Em 2018: V Encontro do Grupo Modos, Histórias da arte em viagens: circulação de ideias, formas e objetos na Universidade Évora, em Portugal. Em 2018: VI Encontro do Grupo Modos, Vidas Precárias no Arquivo Nacional do Rio de Janeiro; Em 2019: VII Encontro do Grupo Modos, O Ensino da História da Arte na contemporaneidade, na Universidade Federal da Bahia.

Integrante do Grupo do Programa: Emerson Dionisio Gomes de Oliveira (PPGAV/UnB)

 

 

07.Mediação em Arte e Cultura: Teorias e Práticas

O grupo de pesquisa reúne professores, estudantes, artistas, músicos, arte-educadores e pesquisadores que atuam com a problemática dos processos de mediação nos campos das artes visuais e da música. Integrado ao Programa de Pós Graduação em Artes da UEMG, o grupo tem como perspectiva realizar pesquisas e produzir publicações, seminários e processos formativos a partir de ações desenvolvidas em parceria com escolas, instituições de arte e de cultura.

Líderes: Rachel de Sousa Vianna (UEMG); Cayo Vinicius Honorato da Silva (PPGAV/UnB)

 

 

08.Metodologias, Educação e Materiais em Artes Visuais

Debate e pesquisa de materiais alternativos, dos materiais em arte, sua produção e qualificação de profissionais da educação em artes visuais para o ensino das Artes.

Líder: Thérèse Hofmann Gatti Rodrigues da Costa (PPGAV/UnB)

 

 

09.Montagem no Discurso Historiográfico Artístico

Vinculado ao LaTHA/UnB, este Grupo de Pesquisa objetiva investigar e discutir temas concernentes ao princípio de montagem na Historiografia da Arte mediante pesquisas, publicações, eventos científicos, projetos de extensão e curadorias. Este conceito operativo permite identificar diferentes respostas do historiador da arte a novas questões, do passado ou presente, sobretudo a partir da arte moderna e da historicização da arte contemporânea, tocando interrelações de suas estruturas discursivas. Ele envolve a identificação de como procedimentos teórico-metodológicos e discursivos implicados pelas noções de montagem, arquivo e atlas se manifestam na escrita e demais práticas da história da arte. Desse modo, abarca a identificação de critérios, escolhas teóricas e metodológicas que permitem a associação de imagens, obras e suas reproduções fotográficas, mas também a associação de conceitos e de percursos imagéticos, aberturas heurísticas e recursos hermenêuticos.

Líderes: Vera Marisa Pugliese de Castro (PPAGV/UnB)

 

 

10.NANO - Núcleo de Arte e Novos Organismos

O GP NANO foi instituído em setembro de 2010, e atua no âmbito da graduação e pós graduação através do Programa de Pós-Graduação em Artes Visuais da EBA/UFRJ e do Programa de Pós-Graduação em Arte (PPG-Arte) / UnB. Dispõe de espaço laboratorial para pesquisa prático-teórica no campo de intersecção arte/ciência/tecnologia/ natureza e concentra suas ações na discussão, criação, produção de arte e eventos com base nestes tópicos e afins. Entre os projetos realizados se encontram: 1)Hiperorgânicos. Open Lab telemático (2010 à 2018); 2) "Diálogos Transdisciplinares", (realizado na edição de 2015 em colaboração com a USP e Paço das Artes / SP); 3) Desenvolvimento da linha de pesquisa "Arte, Hibridação e Biotelemática", na qual mapeia e investe na criação de híbridos entre sistemas orgânicos naturais e artificiais. Os resultados desses trabalhos têm sido apresentados em congressos e eventos de arte no Brasil e exterior.

Líderes: Carlos Augusto Moreira da Nóbrega (PPGAV/EBA/UFRJ; PPAGV/UnB); Maria Luiza Pinheiro Guimarães Fragoso (PPGAV/EBA/UFRJ; PPAGV/UnB)

 

 

11.Núcleo de Estudos Mário Pedrosa

O Núcleo de Estudos Mário Pedrosa está vinculado ao Departamento de Artes Visuais da Universidade de Brasília e dá continuidade aos esforços realizados por instituições públicas visando incentivar e aprimorar o debate sobre História e Crítica de Arte no Brasil e aprofundar os estudos sobre o legado brasileiro para se pensar a produção artística moderna e contemporânea.

Líder: Marcelo Mari (PPAGV/UnB)

 

 

12.Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação em Mídias Interativas - Media Lab

Grupo de pesquisa multidisciplinar, responsável pelo prédio do Media Lab UFG. O grupo observa método colaborativo de trabalho, mantendo a Rede Nacional de Artes Interativas, o Observatório da Economia Criativa do Estado de Goiás, o Núcleo de Tecnologias Assistivas da UFG e o curso de especialização em Inovação em Mídias Interativas, além dos projetos de pesquisa de seus integrantes.

Líderes: Cleomar de Sousa Rocha (PPGACV/UFG; PPAGV/UnB); Maria Lucia Santaella Braga (PUCSP).

 

 

13.Processos Fotográficos Histórico Alternativos

O grupo vem realizando atividades de extensão em processos fotográficos histórico alternativos de maneira regular há aproximadamente 3 anos. Esta produção tem resultado também em exposições, apresentações de artigos em eventos de caráter nacional e internacional, além de exposições de arte, material didático e trabalhos de conclusão de curso de graduação.

Integrantes do PPAGV/UnB: Thérèse Hofmann Gatti Rodrigues da Costa

 

14.Semiótica e Culturas da Comunicação (GPESC)

O Diretório de Pesquisa Semiótica e Culturas da Comunicação - GPESC - investiga processos de significação engendrados tanto pela revisão crítica da produção científica contemporânea - dos estruturalismos à complexidade - quanto pelas semioses infocomunicacionais, configuradas por códigos, linguagens, e discursos. Reúne pesquisas acerca das audiovisualidades, da memória e do design estratégico, considerando sobretudo suas materialidades, em perspectiva estético-política. Com foco nas culturas da comunicação, tem por objetivos, ainda, a fundamentação, a experimentação e o debate metodológicos. Participa da organização anual das Jornadas dos Grupos de Pesquisa em semiótica

Integrantes do PPAGV/UnB: Fátima Aparecida dos Santos

 

 

15.Transviações: Visualidade e Educação

O grupo examina influentes textos relacionados ao estudo do gênero e sexualidade examinando em detalhes como a representação visual destas modalidades impactam a construção de identidades. Os textos estudados expõem os participantes a uma variedade de aproximações teóricas e críticas usadas para interpretar textos da cultura visual e da arte/educação contemporânea. Se o grupo oferece o conhecimento básico de estudos feministas e teoria queer, o seu objetivo final é o de ampliar os estudos de representação queer na cultura visual repensando as estruturas convencionais utilizadas para analisar o sexo, gênero e sexualidade e em construir novos questionamentos sobre estes vários fenômenos e seus relacionamentos. Espera-se que os participantes sejam capazes de compreender e valorar as diferentes leituras possíveis do corpo transgênero/sexual presentes na cultura visual contemporânea. Assim como compreenderem como as relações do olhar produzidas pelas representações de transgêneros e sexualidades pela pintura, fotografia, filme, animação, publicidade, vídeo e outras medias refletem e formam o modo como definimos identidade e interagimos com elas socialmente. Ao mesmo tempo, analisamos os afetos e efeitos destas definições e representações para uma Educação da Cultura Visual.

Líderes: Belidson Dias Bezerra Junior (PPAGV/UnB); María del Rosario Tatiana Fernández Méndez (PPGAV/UnB). 

Outros integrantes do PPAGV/UnB: Rosana Andréa Costa de Castro

 

 

16.Vaga-Mundo:poéticas nômades

O Grupo de Pesquisa VAGA-MUNDO: Poéticas Nômades (CNPq), coordenado pela Profa Dra Karina Dias, reúne artistas-pesquisadores do Programa como Geraldo Orthof, Iracema Salgado e Christus Nobrega (todos da linha de pesquisa DESLOCAMENTOS E ESPACIALIDADES), mestrandos e doutorandos ligados ao Instituto de Artes da Universidade de Brasília.Realizando pesquisas poéticas em diversas linguagens artísticas (instalação, vídeo, livro de artista, desenho, pintura, fotografia, instalação sonora etc.). O que reúne os membros do grupo é o desejo de investigar as relações entre o homem e a paisagem, entre a imensidão dos espaços e a singularidade daquele que os percorre.Para tanto, algumas noções são fundamentais e norteiam toda a pesquisa: horizonte, paisagem, olhar, viagem, geopoética, escrita, processos de produção artística, lugar e modos de imaginação. Aliando a prática artística, a reflexão teórica e a experiência em espaços-extremos, nossa intenção é construir uma poética nômade surgida do movimento, de nossos deslocamentos a partir de expedições artísticas em vários lugares do mundo. Desse movimento surgem as nossas coordenadas vaga-mundo: expedição, exposição e escrita. Estabeleceu parceria com a Universidade Federal da Bahia, por meio da pesquisadora Eliana Maria Chaude, componente do grupo.

Líderes: Karina e Silva Dias (PPAGV/UnB)

Outros integrantes do PPAGV/UnB: Christus Menezes da Nobrega; Geraldo Orthof Pereira Lima.